Em busca do estádio perdido em Mongaguá (SP)

Sexta feira, 4 de setembro, véspera de feriado. Chove desde 4a feira.

Eu e a Mari decidimos ir à praia.

“Tomar chuva???”, é o que todos nos perguntam.

Prestes a entrar na Anchieta, por volta das 17:30hs, olho o horizonte e agradeço a mim mesmo por apostar no destino…

7setembro 004

Com o sol nos animando, seguimos para o litoral sul buscando um pouco de descanso e um rolê tranquilo.

Domingo, o Santo André jogaria em casa contra o Atlético MG, ou seja, nossa viagem tinha data de volta já acertada.

Sábado, tivemos um dia perfeito, com sol, praia, caminhada e corrida, trilhas, comida gostosa na beira do Rio Itanhaém, mas… Faltava algo.

Já que estávamos ali.. Por quê não visitar um estádio ainda desconhecido?

E lá fomos nós, para Mongaguá conhecer o Estádio Silvano Ribeiro Diroz.

7setembro 103

Quem já foi para o litoral sul de São Paulo (Mongaguá, Itanhaém ou Peruíbe), com certeza já passou em frente ele, afinal o Estádio fica na beira da estrada Padre Manoel da Nóbrega.

7setembro 097

Eu achei que o Estádio estivesse abandonado há alguns anos, mas para minha surpresa uma partida estava sendo disputada.

7setembro 110

O time mandante era o tradicional o “Mongaguá Praia Clube“, que segundo a pintura na parede, possui uma data de fundação que no mínimo impõe respeito: 26/3/1946.

7setembro 102

Ok, o campo tem seus buracos, falta grama aqui e acolá, mas lembre que se trata de um Estádio para o futebol amador, de uma cidade litorânea, que sequer possui um time profissional, ou seja… Excelente!

7setembro 113

Eu e a Mari, como sempre, não resistimos a eternizar nossa passagem por mais um templo perdido do futebol nesse Brasil tão grande e tiramos uma foto nossa em frente à cancha…

7setembro 099

A Mari me chamou a atenção para a faixa colocada na frente do estádio convocando os jovens para participar do time. Depois, já em casa, comentei com meu pai sobre como falta a essa região do litoral um clube disputando a série B do Paulista.

7setembro 101

Ao fundo do campo, o belo morro que esconde índios, rios e muitas lendas que correm por Mongaguá e pelo litoral.

7setembro 104

E já começando a dar o ar da graça a Neblina, anunciando o frio e a chuva que chegaria à região, no dia seguinte.

7setembro 113

E seguindo os passos dos amigos fotógrafos, agora eu começei a buscar ângulos diferentes de arquibancadas…E deu nisso:

7setembro 114

Ah, o prazer de estar em um estádio pela primeira vez e ainda poder acompanhar ao fundo uma partida da equipe local… Não tem comparação, é quase que uma coleção de imagens e momentos que ficam em minha mente e que tento reproduzir e compartilhar com vocês aqui no blog.

7setembro 117

Um último olhar no estádio, no campo, no jogo… E até uma próxima vez!

7setembro 115

Voltei para Itanhaém, e depois para Santo André, onde acompanhei a derrota do Ramalhão para o Galo.

Boa sorte ao Mongaguá Praia Clube, espero ver o time no profissionalismo um dia.

APOIE O TIME DA SUA CIDADE!!

8 Respostas to “Em busca do estádio perdido em Mongaguá (SP)”

  1. MarcoMountain disse:

    Parabéns, pela abordagem e visita ao Mongaguá Praia Clube, antes tinha o nome de Praia Grande Futebol Clube…

  2. Julio Cesar disse:

    legal a iniciativa de vcs
    eu sou morador da cidade
    e jogo lah desde pequeno
    naum consegui ser profissional mas mongagua eh um celeiro de grandes craques um chegou a seleção profissional e outro atualmente joga no flamengo
    (willians)fora outros perdidos por algum canto desse país.

    e existem projetos de ter um time profissional aqui mas nunca sai
    obrigado pela atenção

  3. Cid Ney disse:

    Ficamos surpresos e muito satisfeitos quando me disseram de sua passagem pelo nosso clube. Tornei-me presidente desse clube em janeiro desse ano e pretendemos ainda este ano apagar a imagem de abandono que o clube externamente deixa visualisar. Realmente nosso clube é um celeiro de craques por onde passaram Willians (Santo André/Flamengo) e Carlinhos, lateral do Santos e Seleção Brasileira, entre outros de menor expressão.Quero parabenizar esse trabalho de divulgação que tu faz e expressar nosso contentamento por fazermos parte desse trabalho.

    Abraços.

  4. Alessandro disse:

    Só complementando.. e o Carlinhos ta no santo André agora !!!

  5. Gilson Mendes de Oliveira disse:

    Fiquei emocionado em ver as imagens do Estadio de Mongaguá Praia Clube, eu cresci nesse lugar, joguei bola na minha infância inteira,até posso sentir o vento no rosto quando corria pelo campo. ah que saudades. Eu era muito ruim de futebol, mas não importa. Lembro-me dos craques da época,Wandão, Pelé, Ney, Cacau, Ciciu,Fabinho e Silvinho Calazans e o pai deles o “Seu” Calazans, que fazia questão de ser chamado de “DR. Calazans,éra um mala!, mas muito divertido lembrar dessas coisas. que saudades. Obrigado por essas imagens. muito legal mesmo. Valeu!!!!


Deixe um comentário

*