Trocando a bola pela bike

Esse fim de semana que passou acabei não indo a nenhum jogo da segunda divisão do paulista. A principal causa é que o Santo André iniciaria no domingo sua estreia na série C do Campeonato Brasileiro (depois posto as fotos do jogo).

Assim, eu e a Mari topamos um novo desafio: Um rolê de bicicleta por Cosmópolis até a área rural, no sítio do Seo Milton, vô da Mari.

A primeira parte do rolê foi só alegria! Cruzar a cidade até chegar próximo da estrada levou menos de 15 minutos!

O primeiro “susto” foi ver a subida que a gente teria que enfrentar para chegar na estrada…

Sofremos, mas vencemos! E ao chegar lá em cima, demos uma parada pra tomar uma água e comer umas frutas.

Aliás, para quem também está iniciando ou só anda de brincadeira, sempre saia de casa levando água e algumas frutas.

Agora vinha o segundo desafio.

Enfrentar uma estrada de verdade, rumo à Arthur Nogueira!

Mas a estrada tinha um acostamento em boas condições e até que não foi tão difícil enfrentar alguns quilometros por ali.

Agora a terceira e última parte até nosso destino. Sair da rodovia e pegar uma estrada de terra até o sítio.

Pra sair da rodovia, utilizamos um túnel muito louco!

Logo, estávamos pedalando no chão de terra, que fez tremer até a orelha.

Embora menos confortável, o rolê pela estradade terra nos reservou belas imagens, como uma série de esquilos e pássaros, como esse anú aí embaixo:

E foi nesse clima de natureza total, que o tempo passou e de repente lá estava eu… Devorando umas ameixas em pleno sítio do vô da Mari.

O desafio de chegar tinha sido cumprido (e comprido)!

O jeito foi dar um alô ao “Vô Milton” e escapar da enchada que ainda tinha que cumprir uma árdua tarfea.

Tão ou mais do que a nossa volta pra casa, pedalando em meio a tanta coisa legal.

Apoie o time dasua cidade!

Mas, antes disso, conheça sua cidade!

3 Respostas to “Trocando a bola pela bike”

  1. Richard Melo disse:

    Tá na hora de Cosmópolis ter um time profissional. Ficar zuando só depois de SAC-Dino já tá sem graça, hehe.

    O que tá depois do 1º ponto final é brincadeira, mas o que tá antes é sério. Seria mto legal ver uns confrontos entre o Dinão e o “Cosmopolense”. Essa subida é fichinha perto da rua da minha avó, aqui em Paulínia. Nela até veículo motorizado tem dificuldade de subir, hehe.

    PS: Eu não assisti o jogo da seleção. Se morasse perto tinha ido ver o Ramalhão.

    Abz Mau

  2. seria muito legal a funilense voltar ao profissionalismo alias o estadio é fantastico já que fica dentro de uma usina !!!!


Deixe um comentário

*