Estádios do Noroeste Paulista – Parte 13: Jales

Brasão de Jales

Estádio Municipal Roberto Valle Rollemberg - Jales

Viajar é preciso, navegar é preciso, e quem não tem barco, viaja como dá, rasgando as estradas em busca de novas aventuras, experiências e estádios.

Jales

E assim, chegamos em mais uma cidade incrível que sempre povoou minha mente, só de eu ouvir falar dela: Jales! Nunca entendi porquê, mas Jales sempre esteve na minha mente como um lugar a ser visitado.

Jales

Na cidade, vivem hoje cerca de 49 mil pessoas, mas mesmo assim, ainda consegue manter uma cara de cidade do interior, porém em franco crescimento.

Estádio Municipal Roberto Valle Rollemberg - Jales

O nome da cidade é uma homenagem a Euphly Jalles, vereador de Fernandópolis, da qual Jales se emancipou.

Estádio Municipal Roberto Valle Rollemberg - Jales

Porém, antes de seguir em busca do estádio local, era hora de visitar um outro ponto local de grande importância: o restaurante Dom Lugui!

Restaurante Jales

Horas e horas de estrada exigem um belo prato! Aliás, R$ 12 e você come o que quiser… E é uma comida caseira muito gostosa.

Restaurante Jales

Muitas opções para quem é vegetariano como a gente!

Restaurante Jales

De barriga cheia, seguimos até o nosso objetivo: o Estádio Municipal Roberto Valle Rollemberg!

Estádio Municipal Roberto Valle Rollemberg - Jales

O estádio foi a casa do Clube Atlético Jalesense, que disputou competições da Federação Paulista até os anos 90, tendo estreado na Quarta Divisão, em 1963.

Distintivo do Clube Atlético Jalense

E também da A.E. Jalesense, time fundado na década de 50, que por algumas vezes disputou o campeonato por lá também.

Distintivo da A.E. Jalesense

Vamos conhecer o estádio?

Os dois times da cidade tiveram suas idas e vindas até o fim dos anos 70, porém, em 1979, o Clube Atlético Jalesense retorna à ativa para disputar mais 22 vezes a competição, com destaque para a campanha de 1990 que levou o time à série A2:

Jalesense 1990

Jalesense 1990

O mascote dos dois times era o mesmo: um dragão.

Infelizmente, atualmente o futebol em Jales encontra-se sem nenhum time no futebol profissional, porém a liga amadora é bastante atuante.

Estádio Municipal Roberto Valle Rollemberg - Jales

O estádio possui uma estrutura linda! Contando todas as arquibancadas, a capacidade chega a 7 mil torcedores!

Estádio Municipal Roberto Valle Rollemberg - Jales

Estádio Municipal Roberto Valle Rollemberg - Jales

Achei triste algumas matérias da imprensa local que considera o campo um “entrave” para uma região de grande desenvolvimento urbano e valorização. Ainda critica o custo de manutenção que ele exije. Enfim… Os caras querem mesmo que o estádio seja vendido e demolido… Triste  não?

Estádio Municipal Roberto Valle Rollemberg - Jales

Na contramão desse desejo, a Prefeitura Municipal de Jales começou a reformar o estádio, utilizando recursos de convênio firmado pela prefeitura com o Governo Federal, por meio do Ministério do Esporte, no valor de R$ 184. 884.

Estádio Municipal Roberto Valle Rollemberg - Jales

E lá estão as árvores ao redor do campo, que tanto vimos nos campos visitados nesta tour.

Estádio Municipal Roberto Valle Rollemberg - Jales

Uma coisa que eu curto muito nos estádios antigos é que eles utilizavam madeira nas arquibancadas, e isso quase não se vê mais hoje em dia.

Estádio Municipal Roberto Valle Rollemberg - Jales

Mesmo no campo do Jalesense, a arquibancada de madeira, agora está interditada.

Estádio Municipal Roberto Valle Rollemberg - Jales

Estádio Municipal Roberto Valle Rollemberg - Jales

Estádio Municipal Roberto Valle Rollemberg - Jales

Lembro de ter ouvido, no fim de 2013, boatos sobre a volta do C.A. Jalesense ao profissionalismo, mas, até hoje, ficou no plano. Espero podermos voltar a este estádio para ver um jogo no futuro!

Estádio Municipal Roberto Valle Rollemberg - Jales

Estádio Municipal Roberto Valle Rollemberg - Jales

Estádio Municipal Roberto Valle Rollemberg - Jales

APOIE O TIME DA SUA CIDADE!!!

7 Respostas to “Estádios do Noroeste Paulista – Parte 13: Jales”

  1. Luis Fernando disse:

    Poxa, magnífico trabalho, ainda mais por mostrar minha linda cidade e seu estádio, loca em que muitos se divertirá ao assistir o dragão do oeste brilhar, esperamos poder recebê-lo em uma partida oficial pela jalesense. Abracos

  2. RENE JALES disse:

    BOA NOITE MEU COLEGA ESTE FINAL DE SEMANA EU TIVE FILMANDO JOGOS NESTE ESTADIO EU TEM VARIAS FOTO SE VC QUISER MANDA SEU ZAP PARA 017997158705 QUE MANDO PARA VC BLZ

  3. Daniel disse:

    Nasci em Jales,mas só vivi 1 ou 2 anos na cidade,morei 1 ou 2 anos em Votuporanga e depois meus pais foram morar em Campinas, mas sempre me interessei pela cidade principalmente pela estação de trem e ficava imaginando sobre o CAJ e como se encontrava o clube e que divisão estava disputando, sempre torcia para que Ele chegasse onde o América de SJRP , Mirassol e outros que disputaram a primeira divisão, quando criança vinha passar as férias todos os anos na chacara que minha avó tinha aí em Jales, era ótimo poder chegar de trem na estação na década de 70 e 80, infelizmente, a estação ferroviária, esta abandonada em muitas cidades e estádios também, época romantica que muitas coisas vão se acabando, Parabéns pela Matéria, Abraços

  4. Fernando Canossa disse:

    Morei em Jales na infância,hoje moro em Niterói RJ. No final da década de 80 sempre ouvia falar no “CAJ” e suas histórias de grandes jogos regionais.Eu penso que o estádio deva ser preservado, sob pena de perder o que há de mais bonito na história desse esporte tão fascinante que é o futebol.


Deixe um comentário

*