Mais um estádio que vai ao chão…

Leme. Interior de São Paulo.

Mais uma cidade que vê (ou não, já que muraram com biombos todo o entorno) um estádio ao chão…

Mesmo assim, a FanPage Acervo Lemense e o amigo Rafael Murer dividem em imagens e relatos o que acontece com o Estádio Hilário Harder.

Estádio Hilário Harder - Leme

Similar ao que houve no passado em Santo André (quando parte da arquibancada do Estádio Bruno José Daniel foi demolida), o Estádio Hilário Harder foi ao chão, no caso pra dar lugar à nova prefeitura.

No caso do ABC, o fato acabou virando  música do Visitantes

Rafael Murer relembrou a frase que diz “Deus dá o desafio, conforme o torcedor” e disse o seguinte:

Foi no começo do ano, é muito difícil pensar sobre isso, é complicado, porque é história que vai pra traz… Mexe muito comigo.

O Hilário Harder é um estádio que já tinha o sofrimento em seu DNA, no passado um vendaval reitrou parte do telhado dele e depois disso ele nunca voltou a ser o mesmo.

Na época, o estádio ficava no meio do nada, ainda nas ruas de terra…”

O Estádio foi a casa do EC Lemense até o fim da década de 70. Foi ali que a torcida local viu e apoiou a conquista do quarto nível do Campeonato Paulista de 1978 (na época chamado de  “Segunda divisão).

Lemense 1978

Olha a campanha do time naquele ano:

1ª Fase
19/03/1978: Itapira AC 1×0 EC Lemense
25/03/1978: EC Lemense 1×1 Jabaquara
02/04/1978: Barra Bonita 1×1 EC Lemense
09/04/1978: EC Lemense 2×0 Palmeirense
16/04/1978: Guaçuano 0x1 EC Lemense
23/04/1978: EC Lemense 2×0 União de Tambaú
30/04/1978: EC Lemense 2×0 Sete de Setembro
07/05/1978: Capivariano 1×0 EC Lemense
14/05/1978: EC Lemense 4×0 Laranjalense
21/05/1978: EC Lemense 1×1 AC Itapira
28/05/1978: Jabaquara 3×3 EC Lemense
04/06/1978: EC Lemense 2×1 Barra Bonita
10/06/1978: Palmeirense 0x1 EC Lemense
18/06/1978: EC Lemense 1×0 Guaçuano
25/06/1978: União de Tambaú 1×0 EC Lemense
02/07/1978: Sete de Setembro 0x2 EC Lemense
09/07/1978: EC Lemense 1×2 Capivariano
16/07/1978: Laranjalense 0x3 EC Lemense

2ª Fase
30/07/1978: Palmeirense 0x2 EC Lemense
06/08/1978: EC Lemense 4×2 Guaçuano
13/08/1978: Capivariano 0x1 EC Lemense
20/08/1978: EC Lemense 0x1 Itapira AC
03/09/1978: EC Lemense 1×1 Palmeirense
07/09/1978: Guaçuano 0x1 EC Lemense
10/09/1978: EC Lemense 3×1 Capivariano
17/09/1978: Itapira AC 2×0 EC Lemense

3ª Fase
24/09/1978: EC Lemense 0x1 Barra Bonita
01/10/1978: Itapira AC 1×1 EC Lemense
08/10/1978: EC Lemense 3×1 Jabaquara
22/10/1978: Palmeirense 0x1 EC Lemense
08/11/1978: Barra Bonita 0x1 EC Lemense
05/11/1978: EC Lemense 2×1 Itapira AC
16/11/1978: Jabaquara 1×0 EC Lemense
26/11/1978: EC Lemense 1×0 Palmeirense

Final
09/05/1979: EC Lemense 3×1 SE Ilha Solteira
13/05/1979: SE Ilha Solteira 2×1 EC Lemense
16/05/1979: SE Ilha Solteira 1×2 EC Lemense (disputado em Bauru)

Mas, uma das consequências da campanha vitoriosa foi a construção de um novo estádio, o majestoso “Brunão”, que seria palco do bicampeonato em 1980, e essa passa a ser a nova casa do Lemense. Estivemos lá em 2012, vendo o Santo André na Copinha, confira aqui como foi!

A história física se vai, a memória viverá em nossos corações.

 Estádio Hilário Harder

Pra matar a saudades, que tal essas fotos do blog Templos do futebol:

Estádio Hilário Harder

Estádio Hilário Harder

E pra ter ideia de como está a situação, veja esse vídeo do Jornal Atual!, de Leme:

Eles estão vencendo?

APOIE O TIME DA SUA CIDADE!!!

Deixe um comentário

*