Pirassununguense de volta à ativa

Domingo, 13 de maio de 2012. Dia das mães. Minha mãe em Santo André e a da Mari, em Cosmópolis. Enquanto isso, nós pegamos a Anhanguera e vamos até Pirassununga acompanhar a volta do Pirassununguense ao profissionalismo.

A cidade de Pirassununga é um belo exemplo de como o interior paulista é legal.

Muito verde, muita paisagem rural, mas também  muita coisa acontecendo pelo desenvolvimento da cidade. E a tradicional “Caninha de Pirassununga” é um bom exemplo desse aspecto profissional.

Os elementos comuns ao interior estão presentes. A praça, a igreja, a tranquilidade…

Até o Cristo redentor local tá por ali….

Bom… E tem umas coisas mais diferentes também… Objetos que lembram a vocação militar da cidade. Por isso, não se assuste se estiver caminhando e encontrar um… Tanque de guerra estacionado…

Ou um avião pendurado numa praça…

Mas, as guerras são para os governos. Para nós, do povo, a graça está na paz, na diversão, na cultura e consequentemente… no futebol. Por isso, cruzamos a cidade e nos dirigimos ao Estádio Belarmino Del Nero.

E pagando ingresso que é para ajudar o time!!

No dia anterior, já havíamos participado de uma grande festa, na conquista do título do interior pelo Mogi Mirim (veja aqui como foi), mas sabíamos que o domingo também seria de festa. De reencontro. E assim, o foi.

Logo ao entrar, já percebemos que o clima estava muito bom. Torcedores de diferentes gerações se encontrando no campo, para torcerem pelo time da cidade!

O jogo era contra o Guariba, que havia vencido o Lemense, na primeira rodada, por 2×0.

O Estádio do Pirassununguense lembra demais a Rua Javari. Pela proximidade, pelo formato e pela relação intensa da torcida com o jogo, com o time.

Novamente estávamos orgulhosos de poder acompanhar um momento como esse, do ressurgimento do time da cidade, uma expressão cultural, social e, claro, esportiva das pessoas que vivem ali.

Pra quem, como eu, gosta de cornetar, o estádio é excelente, olha onde ficam os bancos de reserva:

E se sofrem os reservas, imagine o que passam os bandeirinhas:

Embora o time não esteja bem tecnicamente (havia perdido na estreia para o Américo, em Américo Brasiliense), a galera compareceu em peso. Inclusive várias torcidas organizadas, como a Malucos do Vale!

A faixa mostrava para quem quisesse ver, ali, mandava o CAP, o GIGANTE do Vale!

E ali, próximo da faixa, a organizada mais legal que conhecemos esse ano, o pessoal do “Chapeludos do Pirassununguense”!

Com direito a camisas personalizadas, e, claro, incríveis chapéus…

E tinha de torcedores mais antigos até que estivesse começando sua vida de arquibancadas…

Mas se fora de campo estava tudo perfeito, dentro dele, o time ainda precisa melhorar. O Pirassununguense esteve batendo cabeça em muitos lances, levando a loucura a torcida local!

E foi numa dessas bobeadas, que após defesa parcial do goleiro Elton, o Guariba fez 1×0, deixando um pouco desanimados os torcedores locais.

Mas não que o resultado seja maior do que o amor pela cidade e pelo time. Veja o que alguns torcedores pensam sobre a relação do time com a cidade:

Esse segundo vídeo foi feito com o Paulinho, que escreve o blog www.memoriadepirassununga.blogspot.com (vale a pena ver as fotos históricas do time nesse outro link).

Veio o intervalo e pelo segundo dia consecutivo, a iguaria eleita para ser a representante da “culinária de estádio” foi a pipoca. Dessa vez, caprichada com deliciosos pedaços de queijo!!!

Aproveitei pra conferir a escalação do time!

O jogo reiniciou, com a esperança do time local reverter o placar.

Mas, o time precisa aprender com a torcida e colocar mais coração… O jogo caminhou até o final, mantendo o 1×0 para o Guapira.

Ficamos tristes por não ver a vitória do time local, coisa que a torcida merecia…

Era dia das mães… Hora de dizer adeus ao pessoal que nos recebeu tão bem no estádio e pegar a estrada. Valeu “Chapeludos”!!

Um último olhar para esse estádio histórico!

Coincidências a parte, meu tio Manoel (que mora em Assis) já morou em Pirassununga, e meu pai, numa visita à cidade, chegou a assistir um jogo aqui também!

A cidade mostrou que realmente possui simpatia e conquistou nossa admiração.

Fica a torcida por melhores resultados para que o time possa manter-se no profissionalismo por mais tempo.

Estádios são história… Guardaremos na memória mais esse!

Enquanto cruzamos os mapas e as fronteiras vamos aprendendo como é legal viver em meio a tantas pessoas diferentes uma das outras. Cada cidade tem sua particularidade, sua característica… Apoiar e respeitar as diferenças acabam se tornando aprendizado obrigatório pra quem vive assim.

A gente não entende muito de pinga, a Mari achou graça da tal “21”, pra ela (e pra mim) só existia a tal 51…

Um último detalhe do estádio, não sei se original, mas muito charmoso, na bilheteria…

Pra quem quer mais informações sobre o time, existe um blog muito legal: www.capirassununga.blogspot.com.br .

Mais uma vez, nosso obrigado ao time e à cidade!

Apoie o time da sua cidade!!!

(e pé na estrada para Cosmópolis!!!)

14 Respostas to “Pirassununguense de volta à ativa”

  1. valeu irmão, obrigado pela cobertura do jogo do nosso querido CAP, apareça em breve, agora para tomar um breja com a gente, tem um monte de lugares,voce vai gostar, abs, MALUCOS DO VALE

  2. Vendo essa linda matéria fico felez com a volta do Ceapezão ao futebol.
    Sonho com o jogo: AD Guarulhos x CA Pirassununguense.
    E pensar que já passou pela minha mão 2 camisas do Pirassununguense, e acabei deixando levar, por colecionadores “oportunistas”.
    Mas, um dia espero conseguir outra.
    Mais… Élton goleiro do Pirassununguense jogou no Ituano, AD Guarulhos, Palmerinha, Taubaté…

  3. Valeu ” MAU “pela matéria , muito legal essa iniciativa de Apoio ao time da sua cidade , parabéns e muito boa sorte no seu trabalho,
    faço parte da divulgação do CAP e coloquei o link no nosso blog AS mil Camisas ok

    • asmilcamisas disse:

      Obrigado Toni! E boa sorte pra vocÊs! O time começou com duas derrotas, mas esse campeonato dá chance de recuperar-se, espero que vcs passem de fase! Abraços

  4. Vinícius disse:

    Sensacional suas materias!

    Mais uma vez Parabéns!!!

  5. Rafael Maringá disse:

    Muito legal a matéria! Vida longa ao CAP! E que bela camisa dos “Cruzados”. Parabéns pelo blog.

  6. Sensacional, Maurício!
    Sou um frequentador assíduo do seu blog, assim como meu conterrâneo e amigo Francisco.
    Um grande abraço e te esperamos em Guarulhos.

  7. Wagner Sasso disse:

    Bom dia Mau!
    Parabéns pela matéria!
    Ela nos trouxe muita sorte e na primeira fase, depois desse jogo, não perdemos mais e nos classificamos.
    Amanhã, domingo, jogaremos em Barueri e se Deus quiser passaremos para a Terceira Fase. Espero que vcs possam voltar a Pirassununga e nos trazer mais sorte.
    Já reservamos duas camisas do CAP para vcs.
    Um grande abraço,

    Wagner

  8. […] 2012 para a disputa da segunda divisão do Campeonato Paulista e nós estivemos lá pra registrar (veja aqui como foi). O clube manda suas partidas no estádio Bellarmino Del Nero, que tem capacidade para mais de 5 […]


Deixe um comentário

*