Rolê 2018 pelo interior paulista: Tupi Paulista (parte 17 de 27)

Brasão Tupi Paulista

A décima sétima etapa da nossa aventura em busca de estádios da alta paulista nos levou até Tupi Paulista, a “cidade aconchego”.

Já havíamos registrado os estádios de Lençóis Paulista, Agudos, Gália, Garça, Vera Cruz, Oriente, Quintana, Osvaldo CruzRinópolis, Lucélia, Adamantina, Flórida Paulista, Pacaembu, Junqueirópolis, Irapuru, e Dracena, além de dois jogos da Bezinha (4a divisão paulista) em Andradina e em Tupã.

Estádio Municipal Belmar Ramos - Tupi Paulista

É engraçado viver as diferentes possíveis realidades que a vida nos oferece. Enquanto assisto à partida entre Espanha e Rússia (que nesse momento empatam em 1×1) pelas oitavas de final da Copa do Mundo, escrevo sobre uma cidade onde vivem cerca de 15 mil pessoas: Tupi Paulista, onde nesse mesmo momento, provavelmente muitos estejam assistindo a mesma partida.

Estádio Municipal Belmar Ramos - Tupi Paulista

Estádio Municipal Belmar Ramos - Tupi Paulista

Nosso objetivo na cidade era conhecer e registrar o Estádio Municipal Belmar Ramos:

Estádio Municipal Belmar Ramos - Tupi Paulista

Estádio Municipal Belmar Ramos - Tupi Paulista

Estádio Municipal Belmar Ramos - Tupi Paulista

Estádio Municipal Belmar Ramos - Tupi Paulista

O Estádio Municipal Belmar Ramos foi a casa do Tupi Esporte Clube em suas 5 aventuras pelo Campeonato Paulista.

Distintivo do Tupi EC

O Tupi Esporte Clube foi fundado em 1948 e disputou três edições da terceira divisão (1971, 73 e 74) e duas da quarta divisão (1966 e 67)

Aqui, o time na fase amadora, em 1953 (a foto faz parte do acervo da fanpage Eu amo Tupi Paulista:

Tupi EC - 1953

Esses são Nezinho e Tião do Tupi EC:

Tupi EC

Segundo o pessoal da fanpage Eu Amo Tupi Paulista, esse é o time do  Tupi EC:

Tupi EC

Esta outra foto também é de algum time local, mas que não consegui identificar:

time em tupi paulista

Então vamos ver como o Estádio está em tempos atuais, onde pode se ver que ao menos o nome do time segue preservado:

Estádio Municipal Belmar Ramos - Tupi Paulista

O Estádio Belmar Ramaos fica num nível acima da rua, pra entrar no campo você tem que subir até ele.

Estádio Municipal Belmar Ramos - Tupi Paulista

Mais uma bilheteria para a nossa coleção!

Estádio Municipal Belmar Ramos - Tupi Paulista

A placa falando sobre a data do estádio é de 1999, mas sua inauguração ocorreu muito antes, provavelmente na década de 50.

Estádio Municipal Belmar Ramos - Tupi Paulista

Estádio Municipal Belmar Ramos - Tupi Paulista

Bom, e aqui estamos nós, relembrando mais um templo histórico do futebol paulista, que atualmente é utilizado pelo futebol amador, principalmente pelas categorias de base.

Estádio Municipal Belmar Ramos - Tupi Paulista

Vamos entender o que é essa “subida” que eu me referi acima:

E aí estamos nós, conhecendo a arquibancada coberta do estádio de Tupi Paulista.

Estádio Municipal Belmar Ramos - Tupi Paulista

O gramado está bem cuidado (soubemos que tem muitos jogos das categorias dente de leite acontecendo aqui!).

Estádio Municipal Belmar Ramos - Tupi Paulista

Ao fundo, a torre que caracteriza o campo há tantos anos…

Estádio Municipal Belmar Ramos - Tupi Paulista

Aqui uma foto de uma equipe que eu não consegui identificar com certeza se é o Tupi EC, mas é o Estádio Belmar Ramos, já que dá pra ver a torre ao fundo:

Tupi

time em tupi paulista

Tupi Paulista

Tupi Paulista

Aqui, o gol da esquerda:

Estádio Municipal Belmar Ramos - Tupi Paulista

Estádio Municipal Belmar Ramos - Tupi Paulista

Olhando do gola da esquerda para a lateral sem arquibancada:

Estádio Municipal Belmar Ramos - Tupi Paulista

Uma olhada geral no lado esquerdo:

Estádio Municipal Belmar Ramos - Tupi Paulista

Estádio Municipal Belmar Ramos - Tupi Paulista

No meio campo:

Estádio Municipal Belmar Ramos - Tupi Paulista

Estádio Municipal Belmar Ramos - Tupi Paulista

Ficamos mais uma vez muito felizes e orgulhosos em poder pisar em solo sagrado, de mais um templo do futebol paulista.

Estádio Municipal Belmar Ramos - Tupi Paulista

APOIE O TIME DA SUA CIDADE!!!

Rolê 2018 pelo interior paulista: Dracena (parte 16 de 27)

Brasão Dracena

A 16a parte deste rolê nos levou até a cidade de Dracena.

Dracena

Chegamos lé depois de conhecermos os estádios de Lençóis Paulista, Agudos, Gália, Garça, Vera Cruz, Oriente, Quintana, Osvaldo CruzRinópolis, Lucélia, Adamantina, Flórida Paulista, Pacaembu, Junqueirópolis e Irapuru, além de dois jogos da Bezinha (4a divisão paulista) em Andradina e em Tupã.

Estádio Municipal Írio Spinardi - Dracena

Dracena tem orgulho de se apresentar como o “berço do futebol”, graças aos diversos jogadores nascidos na cidade e que chegaram a grandes clubes.

Dracena

Mais de 46 mil pessoas vivem em Dracena.

Estádio Municipal Írio Spinardi - Dracena

Nosso objetivo na cidade era conhecer o Estádio Municipal Írio Spinardi!

Estádio Municipal Írio Spinardi - Dracena

Estádio Municipal Írio Spinardi - Dracena

Estádio Municipal Írio Spinardi - Dracena

Ta aí mais uma bilheteria para a nossa coleção!

Estádio Municipal Írio Spinardi - Dracena

Estádio Municipal Írio Spinardi - Dracena

Foi no Estádio Írio Spinardi que a cidade de Dracena viu seus dois times disputarem as divisões de acesso de Campeonato Paulista.

O Círculo Operário de Dracena disputou apenas uma edição da quarta divisão do Campeonato Paulista em 1965, no mesmo ano em que nasceu. É um dos chamados “mistérios” do futebol paulista, já que existe pouquíssima informação oficial sobre o time.

Distintivo do círculo operário de Dracena

Já o outro time da cidade, é bastante tradicional, embora esteja fora das competições da Federação Paulista.

Trata-se do Dracena Futebol Clube, fundado em julho de 1948 (completa 70 anos no próximo 2 de julho de 2018!!), teve 27 participações no Campeonato Paulista de Futebol.

Distintivo do Dracena FC

O Dracena FC teve sua estreia na Quarta Divisão, em 1960, e já em 1961 conquistou o acesso para a Terceira Divisão.

Nos anos 70, oscilou entre terceira, quarta e quinta divisões.

Depois, entre 1982 e 1985, disputou a Segunda Divisão (A2).

Por fim, em 1994, fez sua última aparição, jogando o que na época era a Quinta Divisão.

O time era conhecido como “Fantasma da Região”.

Essas são algumas fotos disponíveis na Internet (principalmente na fanpage “”cidadededracena” ) desde sua época no amador, nos anos 50.

Dracena FC

Dracena FC

Dracena FC

Dracena FC

Dracena FC

Dracena FC

Dracena FC

Aqui, duas imagens em especial pra se ter ideia de como era o público no Estádio Írio Spinardi em dia de jogo:

Estádio Írio Spinardi

Estádio Írio Spinardi

Estádio Dracena

E essas camisas, que tal? Interessante perceber o distintivo em vermelho.

Camisa di Dracena FC

Mas, voltando aos tempos atuais, vamos dar uma olhada em como anda o estádio…

No estádio também existe a lembrança dos jogadores formados ou nascidos na cidade, como é o caso de Rodrigo Caio.

Estádio Municipal Írio Spinardi - Dracena

E o campo… Segue por lá. Ainda usado pelo amador, e vivo, lembrando a cada morador de Dracena que um dia esse já foi o ponto de encontro de milhares de torcedores locais!

Estádio Municipal Írio Spinardi - Dracena

Gramado seco, mas bem cuidado. As árvores ao fundo completam a imagem.

Estádio Municipal Írio Spinardi - Dracena

Encontrei a imagem de um cartaz convidando as pessoas a uma peleja nos anos

Olha o gol aí, esperando os gols de outrora!

Estádio Municipal Írio Spinardi - Dracena

Estádio Municipal Írio Spinardi - Dracena

O estádio possui sistema de iluminação e uma charmosa arquibancada coberta.

Estádio Municipal Írio Spinardi - Dracena

Estádio Municipal Írio Spinardi - Dracena

Ainda dá pra ver o jogo atrás do gol, pra por pressão no goleiro adversário.

Estádio Municipal Írio Spinardi - Dracena

Somando-se os espaços, o estádio possui capacidade para mais de 6 mil torcedores.

Estádio Municipal Írio Spinardi - Dracena

Estádio Municipal Írio Spinardi - Dracena

Bancos de reserva presentes!

Estádio Municipal Írio Spinardi - Dracena

Mais uma olhada pensando num cruzamento para o segundo pau…

Estádio Municipal Írio Spinardi - Dracena

Mas, vale lembrar que a cidade de Dracena conta ainda com o Estádio Centro Olímpico Paulo Tahara, inaugurado em 1982, quando o Dracena FC disputou o Campeonato Paulista da Segunda Divisão.

Estádio Centro Olímpico Paulo Tahara

Estádio Centro Olímpico Paulo Tahara

Estádio Centro Olímpico Paulo Tahara

Resgatamos algumas imagens do estádio no Blog do Diego Dracena:

Estádio Centro Olímpico Paulo Tahara

Estádio Centro Olímpico Paulo Tahara

Estádio Centro Olímpico Paulo Tahara

Estádio Centro Olímpico Paulo Tahara

Estádio Centro Olímpico Paulo Tahara

APOIE O TIME DA SUA CIDADE!!!

Rolê 2018 pelo interior paulista: Irapuru (parte 15 de 27)

Após conhecermos os estádios de Lençóis Paulista, Agudos, Gália, Garça, Vera Cruz, Oriente, Quintana, Osvaldo CruzRinópolis, Lucélia, Adamantina, Flórida Paulista, Pacaembu e Junqueirópolis,  além de dois jogos da Bezinha (4a divisão paulista) em Andradina e em Tupã a 15a parte deste rolê nos leva a Irapuru!

Irapuru

Irapuru

Em maio de 2018, Irapuru completou 70 anos!

Irapuru

Mais uma cidade tranquila, onde vivem pouco mais de 8 mil pessoas.

Irapuru

Irapuru

Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro - Irapuru

Uma cidade onde as pessoas ainda gostam de se cumprimentar, mesmo que nunca tenham se visto, como eu e o amigão aí!

Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro - Irapuru

Bom, mas melhor nos apressarmos, o sol já começa a se por e temos pouco tempo para conhecer os estádios!

Irapuru

O nosso objetivo em Irapuru era conhecer e registrar o Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro!

Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro

Era aqui que o time local, a Associação Atlética Irapuru mandou seus jogos, em sua aventura pelo campeonato paulista da 4a divisão em 1965.

Associação Atlética Irapuru

A AA Irapuru foi fundada em janeiro de 1953, mas permaneceu disputando competições amadoras por 12 anos.

Encontrei algumas fotos do time na fanpage Memórias de Irapuru.

AA Irapuru

AA Irapuru

Essa foi enviada pela filha de um dos que estão na foto: Reynaldo Rodrigues Pereira, o terceiro agachado da esquerda para a direita. Muito obrigado a Maria Cristina, sua filha.

AA Irapuru

De volta ao presente, aqui estamos no Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro.

Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro

E lá vamos nós!

Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro - Irapuru

Segundo a placa, passou por melhorias em 1996.

Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro - Irapuru

Mas, a cara externa do estádio não combina muito com reforma…

Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro - Irapuru

Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro - Irapuru

Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro - Irapuru

Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro - Irapuru

E que tal darmos uma olhada lá dentro?

É…

Tem história, tem uma enorme importância para o futebol, mas… parece que as últimas gestões não achavam isso…

Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro - Irapuru

Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro - Irapuru

Não que o mais importante, o campo em si, estivesse em mal estado.

Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro - Irapuru

Está apenas seco, e isso vimos na grande maioria dos estádios que visitamos pela alta paulista.

Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro - Irapuru

Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro - Irapuru

Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro - Irapuru

Mas o que chamou a atenção pelo mal estado foi a magnífica arquibancada coberta, toda feita em madeira.

Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro

Infelizmente estão em condições bem precárias, fazendo um barulho com o vento que lembra até cenário de filme de terror.

Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro - Irapuru

Ainda assim, a arquibancada é linda, cheia de detalhes, que a torna única. Linda.

Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro - Irapuru

Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro - Irapuru

E o lugar tem uma energia diferente, sério… Meio mágico!

Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro

Lembra um pouco o estádio do Lira Serrano de Paranapiacaba. Pequeno, mas charmoso.

Não vou gastar energia criticando a política local, porque não tenho nenhum conhecimento sobre as prioridades da prefeitura de Irapuru.

Mas… Claro que ficamos imaginando que as condições do estádio poderiam ser melhores, pra podermos sonhar com a volta do futebol profissional.

Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro - Irapuru

Enfim, mesmo assim, nos sentimos honrados em poder registrar mais este templo do futebol paulista.

Agora, é hora de nos despedir do Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro e seguir em nossa viagem.

Estádio Municipal Pedro Leite Ribeiro - Irapuru

APOIE O TIME DA SUA CIDADE

Rolê 2018 pelo interior paulista: Junqueirópolis (parte 14 de 27)

Já narramos nossas visitas aos estádios de Lençóis Paulista, Agudos, Gália, Garça, Vera Cruz, Oriente, Quintana, Osvaldo CruzRinópolis, Lucélia, Adamantina, Flórida Paulista e Pacaembu, além de dois jogos da Bezinha (4a divisão paulista) em Andradina e em Tupã.

Agora, a décima quarta parte do nosso rolê nos leva a Junqueirópolis!

Junqueirópolis

A cidade, emancipada em 1948, faz parte da região da chamada “Nova Alta Paulista”.

Junqueirópolis

Junqueirópolis

Atualmente, vivem em Junqueirópolis cerca de 20.300 pessoas.

Junqueirópolis

Nosso objetivo era conhecer e registrar o Estádio Municipal Raphael Capelli.

Estádio Municipal Raphael Capelli - Junqueirópolis

Pra quem quer uma foto do estádio sem nossa presença:

Estádio Municipal Raphael Capelli

Estádio Municipal Raphael Capelli - Junqueirópolis

O Estádio Municipal Raphael Capelli foi a casa do Junqueirópolis FC, em suas duas aventuras (1966 e 1968) pela 4a divisão do Campeonato Paulista.

Junqueirópolis FC

O time já não existe mais, mas teve um último momento de glória em 2005, quando tornou-se campeão da Copa Amnap de 2005.

junqueiropolis fc

Assim, visitamos mais uma bilheteria que outrora funcionou atendendo ao futebol profissional.

Mari - as mil camisas

Vamos dar uma olhada por dentro:

Da nossa parte, fica todo o respeito e carinho por uma cidade que ainda mantém seu estádio, e assim mantém vivo o sonho de quem sabe um dia voltar ao profissionalismo.

Estádio Municipal Raphael Capelli - Junqueirópolis

As árvores dentro do estádio dão uma cara bem diferente ao campo!

Estádio Municipal Raphael Capelli - Junqueirópolis

Aqui, o gol do lado direito do campo, com os eucaliptos ao fundo.

Estádio Municipal Raphael Capelli - Junqueirópolis

E aqui, o outro gol.

Estádio Municipal Raphael Capelli - Junqueirópolis

Olha aí o setor VIP do estádio pra quem quer ver o jogo sentado e na sombra.

Estádio Municipal Raphael Capelli - Junqueirópolis

A linda arquibancada coberta enche de charme mais este estádio do interior de São Paulo.

Estádio Municipal Raphael Capelli - Junqueirópolis

Aqui, a parte externa do estádio.

Junqueirópolis

Alegria em se fazer presente em mais um tradicional e histórico estádio, dessa vez em Junqueirópolis!

Estádio Municipal Raphael Capelli - Junqueirópolis

É hora de darmos sequência à nossa viagem, muito felizes por fazer parte.

Estádio Municipal Raphael Capelli - Junqueirópolis

APOIE O TIME DA SUA CIDADE!!!

Rolê 2018 pelo interior paulista: Pacaembu (parte 13 de 27)

Brasão Pda cidade de acaembu

Chegamos ao post preferido do Zagallo: a 13!

Já narramos nossas visitas aos estádios de Lençóis Paulista, Agudos, Gália, Garça, Vera Cruz, Oriente, Quintana, Osvaldo CruzRinópolis, Lucélia, Adamantina e Flórida Paulista, além de dois jogos da Bezinha (4a divisão paulista) em Andradina e em Tupã.

Aliás, falando no velho lobo, que belo vídeo do Zagallo hein?

E nosso rolê nos levou à cidade de Pacaembu.

Pacaembu

Pacaembu

Nesse momento, já estávamos há mais de 600 km de Santo André. A viagem começa a ficar ainda mais interessante.

Dizem que o nome da cidade veio como homenagem ao estádio. Outros dizem que é uma mistura do animal “Paca” com a fruta “Embu”, ambos presentes na cidade.

Pouco mais de 14 mil pessoas vivem na cidade de Pacaembu.

Pacaembu

Pacaembu

Pacaembu

O objetivo da nossa visita era conhecer e registrar o Estádio Municipal Ari Aparecido dos Santos Rodrigues.

Estádio Municipal Ari Ap dos Santos Rodrigues - Pacaembu

Pra quem quer uma foto do estádio sem a gente na frente, ta aí:

Estádio Municipal Ari Ap dos Santos Rodrigues - Pacaembu

O Estádio Ari Aparecido dos Santos Rodrigues foi a casa do Pacaembu EC nos três anos que ele disputou a terceira divisão em 1966 e 67.

No incrível “Almanaque do Futebol Paulista” (obra de José Jorge Farah Neto e Rodolfo Kussarev Jr.), encontrei esse distintivo como sendo o original do Pacaembu EC :

Nunca viu uma edição do almanaque? Olha uma aqui:

Voltando ao estádio, embora existam duas placas, uma sobre a reforma e outra sobre a construção, não ficou clara a data de fundação do estádio.

Estádio Municipal Ari Ap dos Santos Rodrigues - Pacaembu

Aqui, a placa é de 1980, mas como o time do Pacaembu EC jogou na década de 60, estimo que ele tenha sido inaugurado entre o fim dos anos 50 e início dos 60.

Estádio Ari Aparecido dos Santos - Pacaembu EC

Aqui, uma imagem do time do Pacaembu:

Pacaembu EC

O campo segue muito bem cuidado, e ainda mantém a arquibancada coberta ali ao fundo.

Estádio Pacaembu-SP

Estádio Municipal Ari Ap dos Santos Rodrigues - Pacaembu

As árvores oferecem um ar bucólico mas ao mesmo tempo garantem uma bela sombra pra quem assiste os jogos ali.

Estádio Municipal Ari Ap dos Santos Rodrigues - Pacaembu

Vamos dar uma olhada no campo:

Aqui a imagem do gol, e as tradicionais casas de madeira, ao fundo:

Estádio Municipal Ari Ap dos Santos Rodrigues - Pacaembu

Estádio Municipal Ari Ap dos Santos Rodrigues - Pacaembu

Esse é o outro gol!

Estádio Municipal Ari Ap dos Santos Rodrigues - Pacaembu

Uma olhada especial na arquibancada coberta:

Estádio Municipal Ari Ap dos Santos Rodrigues - Pacaembu

Estádio Municipal Ari Ap dos Santos Rodrigues - Pacaembu

Estádio Municipal Ari Ap dos Santos Rodrigues - Pacaembu

Estádio Municipal Ari Ap dos Santos Rodrigues - Pacaembu

Os bancos de reserva:

Estádio Municipal Ari Ap dos Santos Rodrigues - Pacaembu

Emocionante! Mais um registro histórico!

Estádio Municipal Ari Ap dos Santos Rodrigues - Pacaembu

Tinha até uma galera batendo uma bola lá:

Estádio Municipal Ari Ap dos Santos Rodrigues - Pacaembu

Estádio Municipal Ari Ap dos Santos Rodrigues - Pacaembu

Hora de nos despedir de mais um templo do futebol do interior!

Estádio Municipal Ari Ap dos Santos Rodrigues - Pacaembu

APOIE O TIME DA SUA CIDADE!!

Rolê 2018 pelo interior paulista: Flórida Paulista (parte 12 de 27)

brasao florida paulista

Parte 12 do nosso rolê.

Após visitar e registrar os estádios de Lençóis Paulista, Agudos, Gália, Garça, Vera Cruz, Oriente, Quintana, Osvaldo CruzRinópolis, Lucélia e Adamantina e dois jogos da Bezinha (4a divisão paulista) em Andradina e em Tupã, agora é a vez de contar sobre Flórida Paulista!

Flórida Paulista

Flórida Paulista

Flórida Paulista é uma cidade pequena, onde vivem pouco mais de 14 mil pessoas. E como sempre gostamos de fazer, registramos algumas imagens curiosas e diferentes das que estamos acostumadas a ver. Essa

Flórida Paulista

Flórida Paulista

A linha de trem ainda corta a cidade, sendo que a estação de Florida Paulista foi inaugurada em 1959.

Flórida Paulista

Mas, nossa missão na cidade era visitar e registrar em fotos e vídeos o Estádio Municipal Francisco Spanghero.

Estadio Municipal Francisco Spanghero - Flórida Paulista

O estádio foi a casa do Flórida EC em suas 3 disputas no Campeonato Paulista da quarta divisão entre 1964 e 1966.

distintivo florida ec

O Flórida EC foi fundado em 1950 e por 14 anos limitou-se a disputar as competições amadoras (que no interior paulista eram tão fortes quanto as disputas profissionais).

 

Estadio Municipal Francisco Spanghero - Flórida Paulista

Vamos dar uma olhada por dentro do estádio!

Estadio Municipal Francisco Spanghero - Flórida Paulista

O estádio passou por reformas há cerca de 5 anos e parece manter sua organização e cuidados até os dias atuais (2018).

Estadio Municipal Francisco Spanghero - Flórida Paulista

O campo está todo cercado por alambrado.

Estadio Municipal Francisco Spanghero - Flórida Paulista

Estadio Municipal Francisco Spanghero - Flórida Paulista

Os bancos de reserva seguem ao aguardo dos suplentes…

Estadio Municipal Francisco Spanghero - Flórida Paulista

O sistema de  iluminação também parece estar ok.

Estadio Municipal Francisco Spanghero - Flórida Paulista

E que tal uma olhada geral do gol da direita:

Estadio Municipal Francisco Spanghero - Flórida Paulista

Do meio campo…

Estadio Municipal Francisco Spanghero - Flórida Paulista

E do gol da esquerda. Pronto, você já pode dizer que conhece todos os lados do campo!

Estadio Municipal Francisco Spanghero - Flórida Paulista

Lá do outro lado, a arquibancada colorida (em verde, vermelho, amarelo e branco) sente falta das cores da torcida.

Estadio Municipal Francisco Spanghero - Flórida Paulista

E é hora de nos despedirmos e seguir em frente em nossa viagem!

Estadio Municipal Francisco Spanghero - Flórida Paulista

APOIE O TIME DA SUA CIDADE!!!

Rolê 2018 pelo interior paulista: Adamantina (parte 11 de 27)

brasão de adamantina

Olá! Dando sequência à série de posts que estamos fazendo sobre as 27 cidades que visitamos para registrar seus estádios, chegamos agora à cidade de Adamantina, depois de Lençóis Paulista, Agudos, Gália, Garça, Vera Cruz, Oriente, Quintana, Osvaldo CruzRinópolis e Lucélia) e dois jogos da Bezinha (4a divisão paulista) em Andradina e em Tupã.

Adamantina

A cidade tem uma população de cerca de 35 mil pessoas.

Adamantina

Nosso objetivo era conhecer e registrar o Estádio Municipal Antonio Goulart Marmo.

Estádio Municipal Antonio Goulart Marmo

Uma bilheteria a mais em nossa conta! E essa já foi bem utilizada nas décadas de 50 e 60!!

Estádio Municipal Antônio Goulart Marmo - Adamantina

O estádio foi a casa dos times de Adamantina nas disputas das categorias de acesso do Campeonato Paulista.

O primeiro time a chegar a uma dessas disputas foi a Assciação Atlética Adamantina.

Distintivo Associação Atlética Adamantina

A A.A. Adamantina foi fundada em março de 1947 e somente 5 anos depois, em 1952 o time disputou a segunda divisão do Campeonato Paulista, sua única disputa profissional.

Aqui, algumas imagens do time:

A.A. Adamantina

AA Adamantina

AA Adamantina 1950

O segundo time da cidade a disputar um Campeonato Paulista foi o Adamantina FC, que nasceu da fusão da AA Adamantina (que havia voltado ao amadorismo) com o Guarani FC (que até então também se limitava ao futebol amador).

Adamantina FC

O Adamantina FC (que na época do amadorismo era denominado Adamantina EC)  disputou 3 edições da terceira divisão, entre 1957 e 1959.

Adamantina FC 1955

Adamantina FC

Adamantina FC

O ano de 1959 foi histórico pois além do Adamantina FC, outro time da cidade disputou a terceira divisão, a Sociedade Esportiva Palmeiras!!

Sociedade Esportiva Palmeiras de Adamantina

Aqui uma imagem do time do time que nasceu em 1952, mas passou 7 anos jogando campeonatos amadores até a disputa do profissional de 1959:

SE PAlmeiras Adamantina

SE Palmeiras de dDamantina

A cidade seguiu respirando futebol, e no ano seguinte (1960), os dois times se uniram para a disputa da quarta divisão do Campeonato Paulista com o novo nome: Clube Atlético Internacional.

Distintivo do Clube Atlético Internacional de Adamantina

CA Internacional de Adamantina

Adamantina ficaria 3 anos sem disputas profissionais no Estádio Municipal Antônio Goulart Marmo, mas em 1963, foi a vez do Guarani FC, que, embora tenha sido fundado em Março de 1948, acabou se “reinventando” em agosto de 1961, após a fusão citada acima.

Distintivo do Guarani FC de Adamantina

Aqui, alguns elencos que marcaram época nas 15 disputas do Campeonato Paulista que o time participou, a começar pelo de 1966 que conquistou o título de campeão do setor:

Guarani 1966

Guarani de Adamantina

Guarani de Adamantina de 1980

Guarani de Adamantina

Guarani de Adamantina

Guarani de Adamantina

Guarani de Adamantina

Guarani de Adamantina

Guarani de Adamantina

Aqui, o time do Guarani, que foi campeão da terceira divisão em 1974:

Guarani de Adamantina campeão de 1974

E o time de 1980:

Guarani de Adamantina de 1980

Enfim, com a história do futebol da cidade (ou ao menos uma parte dela) compreendida, a nossa visita ao estádio ganha muito mais valor…

Estádio Municipal Antônio Goulart Marmo - Adamantina

Estádio Municipal Antônio Goulart Marmo - Adamantina

Estádio Municipal Antônio Goulart Marmo - Adamantina

Estádio Municipal Antônio Goulart Marmo - Adamantina

Segundo a placa informativa, o estádio ganhou uma reforma em 2007:

Estádio Municipal Antônio Goulart Marmo - Adamantina

Vamos dar uma olhada pra ver o que melhorou por dentro do estádio!

O estádio acabou de passar por uma série de obras, e pra visita ficar 100% só faltaram as traves estarem de pé…

Estádio Municipal Antônio Goulart Marmo - Adamantina

Estádio Municipal Antônio Goulart Marmo - Adamantina

Estádio Municipal Antônio Goulart Marmo - Adamantina

A arquibancada coberta está lá, firme e forte, enchendo de charme a cancha Adamantina!

Estádio Municipal Antônio Goulart Marmo - Adamantina

Estádio Municipal Antônio Goulart Marmo - Adamantina

 

Estádio Municipal Antônio Goulart Marmo - Adamantina

As arquibancadas descobertas também são muito bacanas, e bem próximas do campo (que é separado apenas por um alambrado).

Estádio Municipal Antônio Goulart Marmo - Adamantina

Ainda existe uma área atrás do gol que pode receber mais arquibancadas futuramente.

Estádio Municipal Antônio Goulart Marmo - Adamantina

O estádio ainda possui um sistema de iluminação que permite jogos a noite!

Estádio Municipal Antônio Goulart Marmo - Adamantina

Estádio Municipal Antônio Goulart Marmo - Adamantina

Somando todas as arquibancadas, o estádio tem capacidade para cerca de 2.150 pessoas.

Estádio Municipal Antônio Goulart Marmo - Adamantina

Para quem quiser maiores informações (e fotos) do futebol local, acesse esse link da Revista impacto que fez um especial sobre o futebol de Adamantina.

APOIE O TIME DA SUA CIDADE!!